iGovTI

por Digital/ASCOM publicado 18/10/2018 11h53, última modificação 18/10/2018 14h59

Índice de Governança de TI ( iGovTI)

O Índice de Governança de TI (iGovTI) foi criado em 2010 pelo Tribunal de Contas da Unição (TCU) com o propósito de orientar as organizações públicas no esforço de melhoria da governança e da gestão de TI. O índice também permite ao TCU avaliar, de um modo geral, a efetividade das ações adotadas para induzir a melhoria da situação de governança de TI na Administração Pública Federal. O iGovTI é o resultado da consolidação das respostas das organizações públicas ao questionário de governança de TI elaborado pelo TCU. Este questionário avalia 5 dimensões da área de TI nas organizações públicas: liderança, estratégia e planos, informações, pessoas, processos e resultados. O índice varia de 0,00 a 1,00 sendo que os estágios de capacidade em governança de TI classificados em:

Inicial  - iGovTI entre 0,00 a 0,30

Básico - iGovTI entre 0,30 a 0,50

Intermediário - iGovTI entre 0,50 a 0,70

Aprimorado - iGovTI entre 0,70 a 1,00

No último levantamento em 2014, a ANA obteve os seguintes resultados:

iGovTI2014
Nota  Nível de Capacidade
0,54 Intermediário
iGovTI2016
Nota  Nível de Capacidade
0,58 Intermediário

 Por dimensão, o resultado da ANA foi:

Dimensão

Nota iGovTi 2014

Nível de Capacidade iGovTi 2014Nota iGovTI 2016Nível de Capacidade iGovTI 2016
Liderança 0,38 Básico 0,58 Intermediário
Estratégia e Planos 0,62 Intermediário 0,83 Aprimorado
Informações 0,50 Intermediário 0,46 Básico
Pessoas 0,79 Aprimorado 0,79 Aprimorado
Processos 0,43 Básico 0,44 Básico
Resultados 0,58 Intermediário 0,33 Básico

No ranking das 11 agências reguladoras a ANA está em 5º lugar. No ranking das 229 órgãos do poder executivo analisados, a ANA está na 56º posição. Entre todos os 372 órgãos analisados a ANA se encontra na 114º posição.  

 Evolução do iGovTI da ANA

Acesse todos os relatórios abaixo: