Agenda Ambiental na Administração Pública - A3P

A Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) foi proposta em 1999  com o objetivo de rever os padrões de consumo e adotar novas referencias na busca da sustentabilidade socioambiental. Nesse sentido, a A3P é uma estratégia do governo federal de construção de uma nova cultura institucional para inserção de critérios socioambientais em todos os níveis da administração pública.

Principais linhas de ação da A3P na ANA

  • Adoção de impressoras coletivas, com configuração padrão para imprimir em frente e verso;
  • Redução do gasto de papel por meio de orientações aos servidores e colaboradores quanto ao uso dos dois lados do papel nas impressões;
  • Reutilização do papel descartado para confecção de blocos de anotações;
  • Reciclagem de papel, papelão e plástico;
  • Compra de canecas duráveis e copos de vidro para redução do uso de copos descartáveis por parte dos servidores;
  • Campanhas de sensibilização e conscientização para redução no consumo de energia e água;
  • Uso de coletores de copos plásticos, de água e de café, com vistas à reciclagem;
  • Uso de lixeiras separadoras coloridas para destinação de papel, plástico, metal, vidro e lixo não reciclável;
  • Uso de caixas coletoras para pilhas e baterias de celular;
  • Orientações para a separação dos resíduos no trabalho e em casa;
  • Material de divulgação com informações sobre os 5 R’s - Repensar, Recusar, Reduzir, Reutilizar e Reciclar - além de outros princípios da A3P;
  • Plantio de árvores típicas do cerrado em toda área que envolve a sede da ANA;
  • Projeto para captação da água de chuva e reuso na jardinagem;
  • Participação na inserção de famílias no mercado de trabalho com acordos para coleta do material separado nas instalações da ANA;
  • Capacitação dos funcionários da limpeza, copeiragem e vigilância acerca da importância do seu papel na coleta seletiva solidária e na A3P como um todo;
  • Instituição do Programa de Qualidade de Vida - PQV “De Bem Com a Vida”, com vistas a proporcionar aos servidores um sistema integrado e contínuo de ações voltadas para a melhoria da qualidade de vida e para a manutenção ou o restabelecimento de ambiente de trabalho saudável.