Você está aqui: Página Inicial > Notícias antigas > Programa da ANA melhora saneamento do Brasil

Programa da ANA melhora saneamento do Brasil

por ASCOM/ANA publicado 27/03/2007 00h00, última modificação 14/03/2019 16h33
Nas comemorações do Dia Mundial da Água, em 22/03, a Agência Nacional de Águas – ANA presenteou a área de saneamento do Brasil. Durante evento em Foz do Iguaçu-PR, o diretor-presidente da ANA, José Machado, assinou a resolução que regulamenta o Programa Despoluição de Bacias Hidrográficas – Prodes.
Nas comemorações do Dia Mundial da Água, em 22/03, a Agência Nacional de Águas – ANA presenteou a área de saneamento do Brasil. Durante evento em Foz do Iguaçu-PR, o diretor-presidente da ANA, José Machado, assinou a resolução que regulamenta o Programa Despoluição de Bacias Hidrográficas – Prodes. A ação tem recursos de R$ 40 milhões que visam a reduzir os níveis de poluição nas bacias hidrográficas brasileiras.

As inscrições para o Programa começam a partir de 26/03. A Agência divulga o novo regulamento no endereço eletrônico www.ana.gov.br/prodes/default1.asp. Os interessados deverão entrar em contato com a Superintendência de Implementação de Projetos – SIP da ANA.

A lógica do Prodes é simples: as prestadoras de saneamento contratadas investem na construção ou ampliação da capacidade de Estações de Tratamento de Esgoto – ETEs. Quando os empreendimentos estão em pleno funcionamento, a ANA paga para as empresas contratadas.

E o Programa tem dado muito certo. Prova disto é que, desde 2001, as empresas já investiram R$ 272 milhões, em troca de R$ 88 milhões da Agência. Enfim, a cada 1 real aplicado pela ANA, 3 reais retornaram para a sociedade.

Um exemplo do impacto causado pelo Prodes é a ETE do ribeirão do Onça, em Belo Horizonte. A Estação diminuirá em 54,6 toneladas a emissão de carga poluidora neste afluente do rio São Francisco – o equivalente ao que é gerado diariamente por 1 milhão de pessoas. A ETE do Onça está prestes a receber recursos do Prodes, já que está em fase de ajustes finais para funcionar a pleno vapor.